Dia Mundial do Meio ambiente é comemorado em 5 de junho

Por Redação Saiba Já News
Dia Mundial do Meio ambiente é comemorado em 5 de junho

Em 5 de junho, comemora-se o Dia Mundial do Meio Ambiente, estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 1972, durante a Conferência de Estocolmo.

Esta data visa conscientizar a sociedade sobre a crescente necessidade de proteger e cuidar do meio ambiente, além de ser uma oportunidade de abordar os impactos que as empresas causam ao planeta.

“Em um mundo no qual a preocupação com o meio ambiente e a sustentabilidade estão em constante crescimento, é crucial que todas as áreas da sociedade se envolvam na adoção de práticas mais conscientes e responsáveis. Esta data é importante para refletirmos sobre as nossas práticas, como estamos inseridos nesse contexto e de que forma podemos evoluir ainda mais neste sentido”, salienta Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News & Negócios.

Conectadas a esses objetivos, algumas empresas vêm revolucionando o mercado, trazendo modelos de negócios inovadores e que corroboram para que seja possível atingir a agenda da ONU até 2030.

“Cuidar do ecossistema ambiental é fundamental para nossa geração e as futuras. Não existe planeta B, não existe “jogar fora”. Por isso, emissões de carbono, economia circular, geração de energia limpa e renovável, reciclagem de resíduos sólidos e orgânicos, são pontos fundamentais para que a iniciativa privada exerça seu papel de empresa cidadã”, comenta Hugo Bethlem, cofundador e chairman do Instituto Capitalismo Consciente Brasil.

Segundo o estudo global Vida Saudável e Sustentável 2022, 84% dos brasileiros querem reduzir o impacto pessoal sobre o planeta. O levantamento ainda mostra que na percepção do consumidor, marcas de cuidado pessoal, de produtos de limpeza, e de alimentos e bebidas estão mais empenhadas em serem ecologicamente corretas.

“É preciso conscientizar a sociedade sobre a importância reduzir, monitorar e incentivar a fiscalização dos contaminantes emergentes, que são substâncias, geradas pelos processos produtivos industriais e contidos nos materiais e produtos  domésticos, que por meio dos efluentes que geram, alcançam e contaminam o meio ambiente”, explica Diogo Taranto, especialista em gestão e tecnologias ambientais, diretor de Desenvolvimento de Negócios no Grupo Opersan.

O compromisso das empresas com a responsabilidade socioambiental e a transparência na divulgação de atributos de sustentabilidade de produtos e ações em ESG são fundamentais, principalmente para auxiliar a escolha do consumidor.

“A sustentabilidade é um caminho sem volta e representa muito mais que uma tendência. Temos observado eventos climáticos extremos, como: altas temperaturas, derretimento de geleiras e aumento do nível dos oceanos, tempestades severas que vêm causando enchentes e deslizamentos de terras, aumento da seca e dos períodos de estiagem, além do aumento do volume e frequência de chuvas. Cuidar de todas as formas de vida, da economia, da saúde e do meio ambiente é preciso para garantir a sobrevivência no planeta”, finaliza Vininha F. Carvalho