Maringá abre novo edital para venda de terrenos do Parque Industrial; cadastro segue até sexta, 24

Por Repórter Jota Silva
Parque Industrial Felizardo Meneguetti,

Para aumentar o potencial econômico e empregatício do Parque Industrial Felizardo Meneguetti, a Prefeitura de Maringá, por meio da Secretaria de Trabalho, Renda e Agricultura Familiar (Setrab), abriu um novo edital de licitação para venda de terrenos para empresas interessadas em se instalar no local (clique aqui para ler o edital). O cadastro pode ser feito até a próxima sexta-feira, 24, pelo Sistema Eletrônico de Informação (SEI). A licitação está agendada para o dia 4 de dezembro, às 9h, na sede da Secretaria de Logística e Compras (Selog). Após análise da documentação e das propostas apresentadas, serão divulgadas as empresas vencedoras. 

Para realizar o cadastro, as empresas devem realizar o protocolo de enquadramento pelo SEI, com as informações sobre o empreendimento. A documentação será analisada e as que forem habilitadas para a licitação serão comunicadas. Caso haja dúvidas para realizar o cadastro, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (44) 3221-7783 ou WhatsApp (44) 99154-5252.

A venda de lotes do Parque Industrial ocorre por meio de processo licitatório e conta com descontos entre 60% e 90%, além de outros incentivos. Por meio do Programa de Desenvolvimento Econômico de Maringá (Prodem), as empresas que se instalam no local recebem isenção de dez anos do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), metade do valor do Imposto de Transferência de Bens Imóveis (IBTI), isenção do Imposto Sobre Serviços (ISS) da construção civil, alienação do imóvel e terraplanagem gratuita do terreno da construção.

“Nosso trabalho para desenvolvimento e evolução do Parque Industrial é contínuo. Maringá é consolidada como polo econômico, que atrai investidores e incentiva o fortalecimento das empresas, gerando renda e empregos na nossa cidade”, destaca o prefeito Ulisses Maia.

Desde 2017, o Parque Industrial teve mais de 980 mil metros quadrados de terrenos vendidos para cerca de 160 empresas de diversos segmentos. Com funcionamento completo, o local tem projeção de empregar cerca de 5,2 mil trabalhadores.

Segundo o secretário de Trabalho, Renda e Agricultura Familiar, Francisco Favoto, “a logística do Parque Industrial é um diferencial. As empresas se concentram no local e podem desenvolver novas parcerias e negócios. Além disso, ficam próximas do Aeroporto Regional e da rodovia PR-317, facilitando a logística”, frisa.