Com wif-fi público e juro zero para inovação, Governo apresenta projetos da área no Connect Week

Por Repórter Jota Silva
Curitiba, 19 de junho de 2023 - Autoridades do Estado participaram, no Canal da Música, da abertura do Connect Week, que apresentará ao longo da semana vários projetos para cidades inteligentes.

O Governo do Paraná apresentou uma série de projetos de inovação e modernização nesta segunda-feira (19) na abertura da feira de tecnologia Connect Week, no Canal da Música, em Curitiba. Entre os dias 19 e 25 de junho, o evento irá reunir na capital paranaense diversos setores para expor uma programação voltada para as áreas de negócios, networking, atualização, tecnologia, carreiras, conexões, empreendedorismo, cultura, gastronomia e esporte.

O Connect Week é um grande movimento de fomento e desenvolvimento da inovação e da tecnologia, que conta com o suporte do Governo do Paraná, Prefeitura de Curitiba, juntamente com o Sebrae e Assespro-PR (Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação do Paraná).

Recentemente, o Paraná assumiu a liderança do Ranking Cidades Inovadoras e Sustentáveis de 2023 promovido pela consultoria Bright Cities, que avalia a sustentabilidade, inovação e eficiência dos maiores municípios do País. Para elevar ainda mais o nível do Estado no setor foram apresentados projetos à população, às prefeituras e ao setor privado de novos programas.

Os projetos envolvem diversas entidades, entre elas as secretarias estaduais de Inovação, Modernização e Transformação Digital; Indústria e Comércio; Ciência, Tecnologia e Ensino Superior; Planejamento; Cidades; além de ações e programas da Fomento Paraná, Invest Paraná, Celepar e Sebrae.

O secretario estadual de Inovação, Marcelo Rangel, ressaltou a posição do Paraná como estado mais inovador e sustentável do Brasil. “Estamos trabalhando muito forte para oferecer melhores serviços à população. O Paraná, através da Secretaria da Inovação, vai auxiliar os municípios para avançar nos investimentos de modernização. Não adianta nada produzirmos tecnologia se isso não alcançar as pessoas e melhorar a vida do cidadão”, afirmou.

O evento também contou com a assinatura do primeiro contrato do Inova Juro Zero, programa voltado para empresas no ramo de inovação que consiste no auxílio integral de taxas de juros de linhas de crédito da Finep. O primeiro contrato foi assinado com a empresa de tecnologia SXY Global, que é uma plataforma digital na intermediação e venda de itens industriais de reuso, sejam eles veículos, equipamentos, máquinas, ferramentas, sucatas, resíduos e outros.

“Esse contrato é muito importante porque nos ajuda a trazer valores mais acessíveis do nosso produto aos clientes e acesso a uma linha de crédito, possibilitando a expansão dos negócios”, disse o sócio da SXY Global, Marcio Danielewicz.

A Secretaria da Inovação, em parceria com a Celepar, também assinou a portaria que dá o pontapé inicial para o projeto de instalação de pontos com wi-fi público e gratuito nos municípios do Paraná. Além disso estiveram em pauta as Agências de Desenvolvimento Regional Sustentável (Ageuni) e o Citymatch.

Veja mais detalhes das soluções apresentadas:

WI-FI PARANÁ INOVADOR – O projeto está em fase de planejamento pela Secretaria da Inovação, em parceria com a Celepar. O objetivo do programa é ampliar o acesso aos serviços de conexão à internet nos municípios, em especial nas áreas com menor desenvolvimento, como a instalação de wi-fi em locais com grande circulação de pessoas.

A instalação de wi-fi em prédios públicos também é um passo para modernização dos municípios, principalmente os de menor porte, elevando as alternativas para implementação de projetos de governos digitais por parte das prefeituras nas áreas de saúde, educação, segurança pública e infraestrutura.

CITYMATCH: VITRINE DIGITAL DE CIDADES – Esse é um software para ajudar as prefeituras e empresas a cadastrarem oportunidades na área de industrialização e desenvolvimento econômico. De forma simples, o software promove um “match” entre o setor público e privado. No caso dos municípios, serão cadastradas informações como incentivos fiscais, disponibilidade de terrenos e galpões para instalação de empresas, o nível de qualificação da mão de obra da cidade, entre outras. Já as empresas vão registrar na ferramenta as suas necessidades para operar, como quantidade de empregados, o tamanho do imóvel que precisa para se instalar, entre outras. O projeto é realizado em parceria pela Secretaria da Inovação, Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços e a Invest Paraná.

INOVA JURO ZERO – O Inova Juro Zero é um programa voltado para empresas no ramo de inovação que consiste no auxílio na redução integral de taxas de juros de linhas de crédito da Finep, empresa pública vinculada ao governo federal, operacionalizadas no Estado pela Fomento Paraná, por intermédio do Fundo de Inovação das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Paraná (Fime-PR). A estimativa da Fomento Paraná é que seja possível alavancar inicialmente até R$ 10 milhões em operações de crédito, beneficiando entre 40 e 50 empreendimentos.

Serão R$ 3 milhões para iniciar a subvenção econômica, reduzindo os juros em operações de crédito para inovação contratadas pela Fomento Paraná a partir de fontes como a Finep, que oferece linhas Inovacred, Inovacred Expresso e Inovacred 4.0.

AGÊNCIAS DE INOVAÇÃO – O Estado também investe na criação de Agências de Inovação em munícipios com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A agência é responsável por gerir a política de inovação. O objetivo é criar uma política local para dar maior acesso aos munícipios aos projetos de modernização. Isso impacta diretamente no ambiente produtivo e social para criação de novos produtos, serviços ou processos. Já estão em andamento a implantação deste modelo em Carambeí, nos Campos Gerais; e Morretes e Guaratuba, no Litoral.

AGEUNI – O coordenador de Ciência e Tecnologia da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Marcos Aurelio Pelegrina, também apresentou aspectos relacionados ao Programa de Estímulo às Ações de Integração Universidade, Empresa, Governo e Sociedade, denominado Agência de Desenvolvimento Regional Sustentável (Ageuni).

“O intuito é incentivar o desenvolvimento socioeconômico e ampliar a competitividade empresarial, agregando tecnologia aos processos de produção de bens e serviços e impulsionar novos negócios em todo o estado”, afirmou, destacando o apoio da Ageuni nos diferentes eixos estratégicos, como empresas, cooperativas, associações.

PRESENÇAS – Estiveram presentes no evento o vice-governador Darci Piana; Guto Silva, secretário de Planejamento; Eduardo Pimentel, secretário das Cidades; Ricardo Barros, secretário da Indústria, Comércio e Serviços; Gustavo Garbosa, presidente da Celepar; Eduardo Bekin, presidente da Invest Paraná; Celso Kloss, presidente do Tecpar; o presidente da ViaSoft, Itamir Viola; os deputados estaduais Pedro Paulo Bazana, Fábio Oliveira, Luis Corti, Artagão Junior e Soldado Adriano José; o prefeito de Morretes, Sebastião Brindarolli; a prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt; Beto Marceli, CEO da Icities; e Cesar Risseti, diretor de operações do Sebrae.

Veja todas as fotos aqui.